Lenço com suor de pastor para curar doença

Igreja promete resolver casamento destruído e melhorar a vida financeira com lenço abençoado que é distribuído a fiéis
 Alcançar a cura de uma doença, resolver um casamento destruído ou melhorar a vida financeira é o que promete a Igreja Mundial do Poder de Deus com lenço ungido pelo suor do pastor.

A igreja foi fundada em São Paulo, onde começou a tradição de receber o lenço "Se tu uma bênção" com suor do fundador, o pastor Valdomiro Santiago.

Quando questionado se o costume é mantido também no estado, o pastor Félix afirmou que sim."Os pastores limpam o suor do rosto e dão para os fiéis, mas para os que pedem", diz.
A explicação é que o pastor é o homem santo e irá emanar virtude através do do seu suor e da fé da pessoa ao tocar nele, como salienta o pastor Mário Alves.

"Existem muitos testemunhos de pessoas que usam o lenço e conseguiram se libertar do vício, resolver a vida financeira e o casamento destruído. Nesse caso, eles colocam o lenço dentro do travesseiro do parceiro", aconselha.
O lenço é distribuído gratuitamente todas as terça-feiras do Milagre Urgente e do Poder de Deus, na igreja do centro de Vitória. Segundo o pastor Mário, o bispo da igreja leva cerca de 3 mil lenços para ungir cada vez que sobe o alto do Mestre Álvaro, Serra.

A aposentada Aurenir Vieira, 40, acredita que usar o lenço com suor do pastor depende da fé da pessoa. "Há três anos sofria com micose no braço, e a médica não sabia o que era. Com menos de um mês na igreja, consegui a cura", conta.

Quem também tem relato de cura com o lenço é a dona de casa Rosa Soares de Almeida, 55, que diz ter sido curada de um caroço no útero. Durante a cirurgia para retirada do nódulo, Rosa diz que ficou com o lenço em cima da barriga e atribuiu a cura a ele.

"A gente põe no lugar que está doendo e é abençoado", diz a dona de casa que leva o lenço para onde vai.

A flanelinha Alexandra Nascimento, 24, também acredita que o lenço tenha permitido um milagre na sua vida, com a saída do seu marido da prisão.

INTERNET

Em pesquisa feita por A Tribuna de adereços religiosos vendidos na Internet, foi possível encontrar o lenço a venda por R$ 15.00.

DEPOIMENTOS

"Poder de cura e libertação"
"O lenço é maravilhoso. Ele tem o poder de cura e libertação. Meu marido era alcoólatra há um ano e passei a colocar o lenço  em baixo do seu travesseiro enquanto dormia. Hoje, ele conseguiu super totalmente o vício. O lenço é como se fosse uma ligação com Deus A fé a aliança" 

                                                                          Tatiana Vieira, 26 anos, autônoma.

"Carrego dentro da bolsa"
"O lenço é uma bênção. Com um mês que eu estava usando, consegui comprar um carro. Carrego dentro da bolsa e, quando estou com dor, ponho no local e a dor vai embora. Durmo com ele, ponho dentro da roupa., agora mesmo estou com um, só ano com ele. Recentemente sofri uma queda e não tive um arranhão"

                                                                            Alaúde de Santana Silva, 63 anos, professora

Até aqui digitei matéria do Jornal A Tribuna do dia 21 de Abril, quarta-feira. Isso não estava na página de religião não!  Agora eu quero falar sobre isso...Primeiro, aquele material não é um lenço, é um material de TNT! Mas o que seria esse costume de lenço ungido com suor de pastor? Pode um povo desse pregar para católicos cheios de superstição, que fazem e seguem suas simpatias costumeiras? Esses pastores e seus seguidores podem pregar àqueles que aderem poder a uma imagem de santo? Toda essa "lençolatria", "pastolatria", e "suolatria" seria um evangelho de Deus? Repare nos depoimentos das duas fiéis a cima...elas idolatram o lenço mesmo! O nome da igreja tinha que ser Igreja Mundial do Poder do Lenço, ou Igreja Mundial do Poder do Suor! Quanta aberração esses neo-pentecostais estão pregando hein! E alem disso é uma igreja pescadora de homens...Sim, pois conseguem pescar membros de outras igrejas os enganando e os transformando em pessoas idolatras de pastores, de adereços religiosos com lenços, rosas, etc. E ainda explica-se dizendo que o pastor é um homem santo...( talvez seja o Valdomiro Santificado neh?).

Cuidado! Não caia nessa! Nem tudo que reluz é ouro! A Bíblia já nos orienta dizendo: "Amados, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo." ( I João 4.1). Não vejo Deus nessas coisas. Deus nao precisa de lenço ungido com suor de pastor  para abençoar alguém.

E lembrem-se: Em pesquisa feita por A Tribuna de adereços religiosos vendidos na internet, foi possível encontrar o lenço a venda por R$ 15.00.

Ate quando Jesus?

Pastoras desafiam o preconceito

Elas ganham cada vez mais espaço no comando de igrejas, mas ainda enfrentam discriminação por parte de fiéis e pastores.

Conquistando um espaço cada vez maior no comando de igrejas, pastoras da Grande Vitória desafiam o preconceito de alguns fiéis ou de denominaçoes para estar na liderança de grupos religiosos.

Essas mulheres de Deus afirmam que o preconceito existe, mas que não vao desitir de anunciar a Palavra de Deus.

"Existe uma discriminação real, mas, com o tempo, as pessoas passam a respeitar nossa liderança", disse a pastora Amélia Leopoldina Carlesso, titular da Igreja Nova Aliança da avenida Marechal Campos, em Vitória. Hoje ela lidera 150 fiéis e encontra tempo para ser mãe e esposa. 

Já a pastora Maria Aparecida Back, também da Nova Aliança, diz que em algumas igrejas os pastores nao a deixam subir ao púlpito para pregar. "Deus me honrou.Por que o homem não vai me honrar?, questionou.

A pastora Nina Limas, auxiliar na Nova Aliança, acredita que o espaço à frente das igrejas será conquistado.

Segundo o presidente da Associação de Pastores Evangélicos da Grande Vitória, pastor Enoque de Castro Pereira, no Novo Testamento, Jesus institui uma nova visao de sacerdócio. "No livro de Efésios nao existe homem ou mulher.Todos são aptos a realizar a obra de Deus", afirmou.

Mas ele explicou que, quando se trata de uma igreja institucionalizada, existe  uma separaçao doutrinária que faz com que algumas denominações nao aceitem o ministério pastoral feminino. "Algumas igrejas as chamam de ministras, evangelistas ou missionárias", disse o pastor.

HOMENS

No entanto, para o padre Humberto Wuyts, da paróquia Sao Francisco de Assis, em Jardim da Penha, o sacerdócio, segundo a Igreja católica, deve ser exercido somente por homens. "Nesse momento, a Igreja Católica acha melhor nao ordernar mulheres. Optamos por seguir os ensinamentos bíblicos, como no Antigo testamento", explicou o padre Humberto.

Essa foi uma matéria que li no Jornal A Tribuna do dia 17 de abril de 2010 (sábado).Sobre o assunto, quero dizer que nao sou contra que uma mulher seja pastora. O pastor Enoque mencionou o livro de Efésios como exemplo e essa tambem é uma visão que tenho. Agora fico pensando no que o padre Humbento Wuyts citou..."Optamos por seguir os ensinamentos bíblicos, como no Antigo testamento". Se a Igreja Católica optasse por seguir os ensinos bíblicos do Antigo Testamento, nao cultuaria as imagens de santos e nao pregaria o ensino de outras coisas que sao condenadas no Velho Testamento. Essa nao colou, seu padre!