EU NÃO EVANGELIZO

Se evangelizar é encontrar uma pessoa na rua e com toda cara de pau dizer "Jesus te ama" e dar as costas, eu não evangelizo.
Se evangelizar é tocar hino nas praças e ir para casa se achando o máximo, eu não evangelizo.
Se evangelizar é ir numa marcha para fazer propaganda de igreja e cantores, eu não evangelizo.
Se evangelizar servir para arrastar pessoas para igreja quando tem festinhas com comida e montar esquemas para ela se sentir bem-vinda somente naquele momento, eu não evangelizo.
Se evangelizar é entregar folhetos que serão jogados no chão e criará mais sujeira nas ruas, eu não evangelizo.
Se evangelizar é pregar com base para embutir culpa nas pessoas bombardeando-as com idéias de pecado e conseqüentemente o inferno para os maus e céu para os bons, eu não evangelizo.
Se evangelizar é convencer as pessoas a se protegerem do mundo dentro de uma igreja que acaba se tornando um bunker contra toda guerra espiritual e ofensivas do diabo, eu não evangelizo.
Se evangelizar é sistematizar o Evangelho, eu não evangelizo.
Agora se evangelizar é caminhar junto, estar presente na vida das pessoas, ser ombro amigo, chorar e rir em vários momentos, então eu creio que eu evangelizo.
Afinal entendo que o maior evangelismo de Cristo, foi estar ao lado, foi comer junto e presenciar toda a aflição e alegria do teu próximo.
Creio que evangelizar é sinônimo de relacionamento. O verdadeiro evangelho não é feito de seguidores e sim de amigos.
Portanto, se evangelizar é partilhar o pão nosso de cada dia, eu evangelizo.

Dilma chama "Nossa Senhora" de DEUSA


Trecho da entrevista da candidata Dilma Rousseff ao Brasil Urgente da Rede Bandeirantes de TV (21 de julho).

DATENA – Não sendo nem um pouco criativo, quando fizeram aquela pergunta pro Fernando Henrique, ele demorou três horas e meia para responder… A senhora acredita em Deus?

DILMA – Olha, eu acredito numa força superior que a gente pode chamar de Deus. Eu acredito e… E acredito, MAIS DO QUE NESSA FORÇA, se "ocê" (???) me permitir, acredito na força dessa deusa mulher que é Nossa Senhora.

DATENA – Nossa Senhora de Aparecida, Nossa Senhora de Fátima, Nossa Senhora de uma forma geral (!!!)…

DILMA – Todas essas múltiplas Nossas Senhoras (!!!) que existem por esse Brasil afora: Nossa Senhora das Dores, das Graças, Aparecida…

DATENA – Porque no fundo, no fundo, elas representam é…

DILMA – Nossa Senhora da Boa-Morte…

DATENA – No fundo, no fundo, Nossa Senhora representa a força que a mulher brasileira tem, né?

DILMA – Representa isso, eu acho, e representa uma coisa que todo mundo precisa: misericórdia. Ela representa muito isso. Proteção! Todo mundo precisa.


Quer saber porque Dilma disse isso? Ela ainda não conhece o Único e Suficiente Salvador de nossass vidas.
Veja que quando Datena diz: "Nossa Senhora de Aparecida, Nossa Senhora de Fátima, Nossa Senhora de uma forma geral", a Dilma complementa: "Todas essas múltiplas Nossas Senhoras que existem por esse Brasil afora: Nossa Senhora das Dores, das Graças, Aparecida…"

Assista o video abaixo e preste atenção: Ela diz acreditar numa força superior "que podemos chamar de 'Deus' ". E depois suas palavras demostram que ela acredita MAIS em Nossa Senhora do que em Deus.



Dilma e Datena, ambos nao sabem que "em NENHUM outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos." (Atos 4.12). Deus "lhe deu um nome que é sobre todo o nome"(Flipenses 2.9). Eles nao sabem que Ele [JESUS] "pode também salvar perfeitamente os que POR ELE se chegam a Deus, vivendo sempre para INTERCEDER por eles." (Hebreus 7.25).