Que negócio é esse de fazermos parte de uma "geração ferida e abusada pelos pais" André Valadão?


Tenho assistido ao DVD Fé de André Valadão nesses dias. E observei uma coisa: Após apresentar o seu filho Lorenzo, André Valadão faz uma oração, dizendo: "Ore comigo assim: Senhor Jesus, eu faço parte de uma geração que tem sido ferida, que tem sido abusada... pelos pais...pelo pai...".

Não entendi, ao certo, essas palavras...Costumo ouvir tantas músicas, mensagens, onde dizem que fazemos parte de uma "geração de adoradores","geração apaixonada por Jesus", "geração escolhida", em fim, somos até chamados de "geração de Samuel que está se levantando em todo lugar...". No mesmo DVD, André Valadão canta que "somos o povo mais feliz da terra". Mas na oração que ele faz não é isso que parece.

Agora pense: "...a geração dos retos será abençoada." (Salmos 112:2). "Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz". (1 Pedro 2:9). Outra vez digo: Na oração que ele faz não é isso que parece.

Uma outra observação: Quando você ouvi essa oração que André Valadão faz, note que parece que ele fala de algo que envolve até o próprio Deus..."uma geração que tem sido ferida, que tem sido abusada... pelos pais...pelo pai..."( Pai? Que pai?O Pai com o P maiúsculo?). Gostaria de saber se ele está falando do Pai, que é Deus...

Quero saber como é que é isso..."fazer parte de uma geração que tem sido ferida, que tem sido abusada... pelos pais...pelo pai..." ("Pai"), e ao mesmo tempo pertencer a uma geração que será abençoada, segundo está no Salmo 112:2.

Vamos deixar o emocional de lado e exercitar mais a nossa mente de Cristo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por visitar meu blog!