Após invocação espírita homem golpeia próprio corpo com tesoura


Homem invade Fórum e golpeia o próprio corpo com tesoura após invocar espíritos em Guarapari.

Ele foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento do município com vários cortes pelo corpo.

Desorientado após praticar um jogo envolvendo invocação espírita, um homem de 26 anos invadiu o Fórum de Guarapari, entrou na sala do júri, pegou uma tesoura e aplicou vários golpes contra o corpo utilizando o objeto. O fato aconteceu na noite da última sexta-feira (04).

Segundo os policiais militares que atenderam a ocorrência, o homem contou que estava com alguns amigos na Praia do Morro quando eles começaram o jogo. Em um determinado momento, ele alega que perdeu o raciocínio e ficou desorientado, indo até a porta do Fórum, onde quebrou uma vidraça.

Ferido com vários cortes pelo corpo, o homem foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Guarapari. Após ser medicado, ele foi encaminhado ao DPJ. Lá foi constatado que o rapaz possui um mandado de prisão em aberto.

Fonte: Gazeta Online

Maria, cheia de graça e bendita mais que todas as mulheres?

Estive lendo o texto "Maria, bendita mais que todas as mulheres", cujo trecho foi retirado do livro “Maria- Mulher de Gênesis ao Apocalipse” do padre Jonas Abib.

Em meio aos erros falando sobre Maria, o padre Jonas Abid diz: "A ninguém as Escrituras chamam 'cheia de graça', só a ela!"

O padre está certo do que diz? O evangelho de São João diz: "E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, CHEIO DE GRAÇA e de verdade" (João 1:14). Na versão católica da Bíblia diz: "Estêvão, CHEIO DE GRAÇA e fortaleza, fazia grandes milagres e prodígios entre o povo" (Atos 6:8).

Não foi só Maria que achou graça diante de Deus. Em Atos 7 lemos que Davi "achou graça diante de Deus, e pediu que pudesse achar tabernáculo para o Deus de Jacó" (Atos 7:46).

Se a expressão "Bendita" ou "bendita entre as mulheres" foi dirigida a Maria para que cultuemos a ela, então deveriam cultuar também a Rute, a Jael, e a Abigail...

"E disse ele: Quem és tu? E ela disse: Sou Rute, tua serva; estende pois tua capa sobre a tua serva, porque tu és o remidor. E disse ele: Bendita sejas tu do Senhor, minha filha; melhor fizeste esta tua última benevolência do que a primeira, pois após nenhum dos jovens foste, quer pobre quer rico" (Rute 3:9-10).

"Bendita seja entre as mulheres, Jael, mulher de Héber, o queneu; bendita seja entre as mulheres nas tendas" (Juízes 5:24).

"Então Davi disse a Abigail: Bendito o Senhor Deus de Israel, que hoje te enviou ao meu encontro. E bendito o teu conselho, e bendita tu, que hoje me impediste de derramar sangue, e de vingar-me pela minha própria mão". ( I Samuel 25:32-33).

PENSE ANTES DE PROTESTAR...



...SE estivermos indo ao médico FINGINDO DOENÇA para conseguirmos um atestado para não irmos trabalhar

...SE estivermos MENTINDO para o patrão ou chefe no trabalho, para o cliente, para nossos pais, para o nosso cônjuge, para a liderança da igreja

...SE estivermos nos ADULTERANDO

...SE estivermos COLANDO NA PROVA da escola ou faculdade

...SE ESTIVERMOS FINGINDO algo para nosso próprio benefício

...Aceitando trabalhar FAZENDO COISAS ERRADAS que o patrão manda para não perdermos o bom salário

...SE FICARMOS CALADOS quando o nosso patrão está com sonegação fiscal

...SE NÃO DEVOLVERMOS o dinheiro a mais do troco errado que recebemos

...SE estivermos COMPRANDO PRODUTOS PIRATEADOS

...SE NÃO estivermos PAGANDO o que devemos, EMPRESTANDO DINHEIRO COM USURA

...SE estivermos ajuntando BENS MAUS ADQUIRIDOS em nossa casa

...SE estivermos com ESQUEMA DE ROUBO de sinal da Sky [exemplo] para não pagarmos legalmente

...SE estivermos ENVOLVIDOS COM ESQUEMA de dinheiro fácil

...SE estivermos DEFENDENDO os mercenários da fé, a corrupção de religiosos, ESCONDENDO erros de religiosos

...SE ACEITAMOS que milhões de dinheiro público sejam investidos em shows de nossa preferência

...Enfim, SE estivermos participando de outros MEIOS DE CORRUPÇÃO ou ILEGALIDADE e uma série de outras COISAS ERRADAS...

EU PERGUNTO: QUEM SOMOS NÓS PARA PROTESTAR CONTRA A CORRUPÇÃO, QUEM?

Movimento gay capixaba contra vereador transexual apoiado por Magno Malta

Movimento gay capixaba contra vereador transexual de Nova Venécia



O Fórum Estadual em Defesa dos Direitos e Cidadania de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais do Estado do Espírito Santo divulgou nota nesta terça-feira repudiando as supostas declarações do vereador transexual Moacy Sélia, o Moa (PR), sobre casamento entre pessoas do mesmo sexo.

O fórum, que congrega dezenas de Entidades formais e informais que defendem os direitos humanos e cidadania de pessoas LGBT de diversas partes de nosso Brasil, “vem a público veementemente manifestar seu repúdio as declarações contraditórias, homofóbicas e descabidas da vereadora”.

Segundo a nota, Moa fez um desserviço a sua própria comunidade. “Eleita para defender e trabalhar em prol do povo, independente de cor, etnia, gênero, orientação sexual, religião, filosofia ou qualquer outra diversidade ao ser humano pertinente, a Vereadora deveria se portar com mais respeito as famílias homoafetivas e se afinar com a jurisprudência já confirmada pelo poder Judiciário e com sua própria trajetória de vida”

De acordo com os líderes do movimento gay, as declarações de Moa são incompatíveis com o estilo de vida social que a mesma organiza para seu comportamento pessoal. “Suas declarações demonstram falta de habilidade, despreparo e sinaliza fortemente para interesses que nada tem haver com ética e moral”.

Procurado para comentar o assunto, Moa afirmou que suas declarações foram mal interpretadas. Segundo ela, a polêmica foi causada após declarar que participaria de uma manifestação de evangélicos em Brasília contra casamento entre pessoas do mesmo sexo.

“Vivo uma luta constante contra o preconceito. Como vou discriminar os evangélicos? Como vou lutar pela discriminação se vou discriminar a pessoa pela escolha da sua religião”, disse.

Moa disse que em nenhum momento foi procurada pelo movimento gay para esclarecer a polêmica e garantiu que não é contrária à união homoafetiva. “Tivemos o reconhecimento dos nossos direitos pelo Supremo. Quero casar com um hétero independente da possibilidade de mudança de sexo. Minha personalidade é feminina e quero ser respeitada assim”.

Fonte: Folha Vitória
Redação Folha Vitória

Agora vejam a "jogada de mestre" do Magno Malta...que poderá ser usada na campanha para candidato a governo do ES... Vai que cola!

Os Passos de Anchieta ou os Passos de Jesus


Todo mês de junho acontece a Caminhada Passos de Anchieta, um percurso feito por pessoas de vários lugares, que caminham de Vitória à Anchieta no Sul do Espírito Santo. Tudo é uma homenagem ao morto padre José de Anchieta...


Um grande número de pessoas segue os Passos de Anchieta, passos estes que não as levam para a completa certeza da esperança, pois, andando neles, não se alcança aquilo que Cristo quer que alcancemos. Diante disto, qual seria melhor: seguir os passos de Jesus ou os passos de Anchieta? Ou, quem estaria disposto a fazer como nos passos de Anchieta seguindo os passos de Jesus? Calos e feridas nos pés, e todo esse sacrifício... Será que é isso que Jesus quer que façamos? Será que é melhor continuar nos passos de Anchieta?

Ao seguirmos os Passos de Jesus alcançaremos a cidade celestial (Filipenses 3.20; Hebreus 11.10;12.22); teremos quatro coroas: a coroa da justiça (II Timóteo 4,8), coroa da vida (Tiago 1,12; Apocalipse 2.10), e também alcançaremos a incorruptível coroa da glória ( I Pedro 5,4); teremos nome no livro da vida, e salvação eterna; e iremos entrar num santuário eterno, não feito por mãos de homens. Os passos de Jesus levam a um lugar melhor, ao encontro do próprio Jesus. Seguindo os passos do Mestre, Ele caminha junto com os seus seguidores. Se seguirmos os passos de outro homem não teremos tais recompensas! 

E seguir os passos de Jesus é diferente, pois ele mesmo caminha ao nosso lado, conforme Ele disse que estaria com os seus todos os dias (Mateus 28.20), e, se for preciso, Ele nos carrega em seus braços nos momentos difíceis, como já li numa mensagem.

No hino 301 do Cantor Cristão que tem por título "Em Jesus confiar" encontramos a seguinte mensagem: "Resolutos Senhor, e com fé zelo e ardor; os Teus passos queremos seguir!" Ainda no Cantor Cristão, nos versos do hino 551 diz: "Tu terás consolo e amor; mocidade, nos teus passos, segue os passos do Senhor!". Na letra do hino 378 da Harpa Cristã, cujo refrão é "Quão doce é seguir as pisadas do mestre, na bendita luz, perto de Jesus" diz: "Sigo Seus passos de terno carinho, misericórdia, amor e mansidão".

A cantora Cassiane diz na letra de uma de suas canções: "Vou seguir... os passos de Jesus. Vou levar... comigo a minha cruz. Se espinhos ferem os meus pés, eu vou descansar nos braços de Jesus". Suellem Lima em sua canção "Seguindo os Passos de Jesus" também expressa o desejo de estar seguindo os passos de Jesus, dizendo: "Quero seguir os passos de Jesus, quero crescer na graça e no saber/ Seguir seus passos, andar em sua luz. Eu quero crescer seguindo os passos de Jesus"

Os passos de Anchieta continuam sendo seguidos, mas somente se andarmos nos passos de Jesus acharemos descanso para nossa alma. Seguir os passos de Anchieta não levará as pessoas à cidade celestial e ao santuário no céu. "Cristo padeceu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigais os seus passos. (I Pedro 2:21), portanto, siga os passos de Jesus, pois ele sim sofreu por mim e por você para nos salvar.

Em que passos você quer continuar? Não seria melhor seguir os Passos de Jesus? Quais deles te dará recompensas eternas? Pense nisso!

"Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos". Atos 4:12

As Fases Dificieis do Coração


       O coração é a sede de nossas emoções,sentimentos,pensamentos, e vontades...E muitos de nós passamos por momentos dificieis na vida e ai vem as mágoas e decepções;nos enganamos com falsas amizades;pessoas lançam medo ao nosso coração;somos oprimidos,lutamos contra nossos próprios desejos e vontades;tomamos decisões precipitadas que nos deixam consequências indesejáveis;somos acometidos pelo estresse,ficamos ressentidos com tantas coisas ruins que nos surpreendem;nos deixamos abater pela ansiedade;enfim vivemos momentos sobrecarregados de situações adversas que fazem nos sentirmos mal,nos causando dor e dando,que turbam e inquietam o nosso coração.

      Em Eclesiastes 11:10 nos diz:"Afasta, pois, do teu coração o a angustia e remove da tua carne a dor..."O coração está ligado à mente e e por isso quero refletir com você sobre as fases difíceis do coração...

      O sorriso pode ser um disfarce de tristeza. Eu vejo muita gente sorrindo,mas pode ser um "sorriso mudo".Me lembro de uma música de Chitãozinho e Xororó que tem por título "Sorriso Mudo" e diz: "Quem me ver assim sorridente,não sabe o que estou passando,o meu sorriso é mudo, eu devia estar chorando..". E o que eu leio na Bíblia é:"O sorriso pode esconder a tristeza no coração, e quando a felicidade vai embora a tristeza chegou"(Prov 14:13). A aflição do coração pode ser observada na alegria do outro, ao ouvir ma música ou alguém cantando perto de alguém triste. Me lembro de uma música de Cleyton e Camargo que tem por título "Não Posso Ouvir Essa Música", onde eles relatam um amor que se perdeu... Na letra eles dizem: "Por mais que eu tente esquecer, por mais que eu não queira lembrar, é só me lembrar de teus olhos começo a chorar....ligo o rádio e uma canção de amor começa a tocar.Não posso ouvir essa música que ela me mata, são tantas lembranças que tenho no peito guardada..." Isso me faz lembrar de Provérbios 14,10 que diz: "O coração conhece a sua própria amargura,e o estranho não tará influencia nas suas alegrias"(Prov 14:10), e  também em Provérbios 25,20 que diz:"Como quem se despe num dia de frio e como vinagre sobre feridas, assim é o que entoa canções junto ao coração aflito."

     Esperar muito tempo por algo que tantos ansiamos também mexe com o coração...Se espera ser correspondido no amor, se espera uma resposta, se espera um emprego, se espera, se espera e se espera..."Quanto mais demora o que esperamos, o coração se e desfalece, mas quando logo somos correspondido, o nosso coração se enche de vida"(Prov 13:12). Ficamos preocupados, ansiosos..."A ansiedade no coração deixa o homem abatido, mas uma boa palavra o alegra."(Prov 12:25). Hoje vemos as pessoas embelezando o rosto, se maquiam, fazem plásticas, mas há um coisa que nada disso muda o rosto de alguém "O coração alegre embeleza o rosto, mas pela dor do coração o espírito se abate"(Prov 15:13). O coração alegre deixa a pessoa mais formosa de rosto,mas se o coração esta triste, abatido pela dor, o rosto também muda e fica abatido.Há muitas pessoas morrendo aos poucos por se abaterem com as consequências  já vividas pelo coração..."O coração alegre faz bem para a saúde; estar sempre triste é morrer aos poucos"(Prov 17:22).

    Na Bíblia encontramos pessoas que passaram por fases que entristeceram os seus corações...A primeira que eu quero relatar aqui é Ana. Ela era estéril e sofria com isso, e além do mais havia uma outra mulher que a irritava excessivamente para deixá-la estressada por ser estéril. Ana só vivia chorando e não sentia vontade de comer. Um certo dia seu marido já preocupado disse:"Ana, porque choras? E por que não comes? E por que está mal o teu coração?..." (I Samuel 1:8). A outra pessoa foi Neemias.A cidade de Jerusalém estava em um triste estado,muitos estavam cativos, estavam em grande miséria e desprezo, o muro da cidade havia sido fendido e suas portas queimadas, e por isso Neemias  chorou lamentando-se por alguns dias. Ele era empregado do rei Artaxerxes o qual nuca tinha visto Neemias triste. Um dia Neemias ao servir o rei na mesa, foi interrogado pelo rei:"Por que está triste o seu rosto se não estás doente? Isso é tristeza do coração Neemias..." Então Neemias sentiu medo... ( Ne 2:2). Uma outra pessoa que enfrentou uma tristeza em seu coração foi o rei Davi... No Salmo 69:20 ele diz: "Os insultos me deixaram com o coração partido ...e estou desesperado". Davi também com o coração ferido não sentia vontade de comer (Salmo 102:4). No verso 22 do Salmo 109 ele diz:"Dentro de mim o meu coração está aflito..." No Salmo 143:4 ele diz:"O meu espírito se angústia dentro de mim e o meu coração está desesperado". Um outro homem que teve tristeza em seu coração foi o apóstolo Paulo. O motivo era a incredulidade de Israel,por causa de seus irmãos. Paulo disse: "...tenho grande tristeza e contínua dor em meu coração"(Romanos 9:2).

       A mesma Ana que chorava e andava com o coração triste, chorou também na presença de Deus e já cantando ela disse: " O meu coração se alegra agora no Senhor, eu me ergui pelo Senhor" (I Samuel 2:1). O mesmo Neemias que estava com grande tristeza no coração,disse: "Não fiquem tristes... A alegria do Senhor é a nossa força"(Neemias 8:10). Davi com o coração triste viu isso como uma razão para orar à Deus e disse: "...clamo à ti por estar abatido o meu coração abatido.."(Salmo 61:2). E no Salmo 108:1 Davi diz: "Preparado está o meu coração, ó Deus; eu vou te bendizer com toda minha alma.".Paulo tendo grande tristeza e contínua dor em seu coração reconhecia que "todas as coisas contribuem  juntamente para o bem daqueles que amam a Deus" (Romanos 8:28), e sabia que o Deus que ele servia é um Deus " que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação..."(II Cor 1:4). Paulo aprendeu a se alegrar com tudo, sabia estar abatido; em tudo e em todos o momentos ele estava instruído, pois podia todas as coisas em Jesus que o fortalecia (FIL 4:12,13).

     Mas o que fazer para afastar a preocupação excessiva, a ira ,a dor e as angústias do coração?Como não deixar que o nosso coração seja livre em meio a tanto estresse, decepções, e outras situações adversas? É preciso entregar o coração a cada dia à Deus e não deixar se abater pelas emoções e sentimentos ruins, é medir as consequências antes de tomar decisões; é guardar o pensamento e os sentimentos em Cristo. Em Provérbios há um conselho para nós: "Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o seu coração, por que dele procedem as fontes da vida". É no coração que se encontram toda a trajetória de nossa vida, e coração aqui é pensamento, vontade, mente... O conselho da I carta de Pedro cap. 5.7 é:"Lance sobre Jesus todas as suas ansiedades, pois Ele cuida de vocês". O conselho de Jesus é: "Vinde à mim todos vocês que estão cansados e oprimidos e eu os aliviarei" (Mateus 11:28), e "Não se turbe os corações de vocês..." (Jo 14:1). E por ultimo é esse: "Deleita também no Senhor e Ele concederá o que deseja o seu coração... Entrega o seu coração ao Senhor, confia nele e vocês serão ajudados" (Salmo 37:4,5).

                                                                                  No Amor de Cristo, Nerly de Andrade Nunes

Amar Sem Fingimento


Você já deve ter visto alguém fingir uma fala, um acontecimento, uma dor; nos filmes e novelas tudo não passa de encenação, de coisas inventadas...porém, de uma forma bem feita que parece ser real.Mas há muitas pessoas que são verdadeiros artistas quando fingem o amor...E a Bíblia tem um conselho para tais pessoas: “Que o amor de vocês não seja fingindo...”(Romanos 12:9).
      O amor é um dom supremo que Deus nos deu,que vem de dentro,ou seja,do intimo do nosso coração;é racional,pois vem de nossa capacidade de pensar,querer e decidir.Deus criou o amor, e muitos de nós,por não sabermos usá-lo,fingimos tê-lo nas amizades,no relacionamento com o cônjuge,na comunhão cristã,na vida familiar,no trabalho,e etc.Há um cântico que me faz refletir o quanto se finge o amor entre uns e outros...O cântico é intitulado de “Corpo e Família”,e diz:“...Somos corpo e assim bem ajustados,totalmente ligados, unidos, vivendo em amor,uma família sem qualquer falsidade...” Será que realmente é assim??
Há alguns sentimentos que classificamos como amor...Quero citar aqui dois tipos de sentimentos classificados de amor.
- O primeiro é FILOS: Amor fraterno - entre amigos,vizinhos;pela comunidade,pela pátria...Segue-se alguns conselhos bíblicos:Em Romanos 12:10 lemos: “Amai cordialmente uns aos outros com um amor fraternal,em especial com respeito uns aos outros”.Um outro conselho é: “...tenham sincero amor um com os outros,porque o amor faz perdoar falhas” (I Pedro 4:8).Quem ama não faz mal ao seu semelhante (Romanos 13:10).Amar sempre o amigo te tornará um irmão do mesmo quando este estiver em dias tristes (Provérbios 17:17).
- O segundo é EROS: Amor sexual-atração física pela pessoa do sexo oposto (paixão). É um sentimento que tem sido mascarado por muitos cônjuges. Neste aspecto tanto o sexo feminino quanto o masculino pode estar fingindo amar...No amor sexual entendo, pela Bíblia, que tanto o homem como a mulher deve dar prazer um ao outro (I Coríntios 7:3).O conselho a ser seguido é: “Vós maridos amem as vossas mulheres e não se irritem contra elas”(Colossenses 3:19).Na vida amorosa com sua esposa o marido deve reconhecer que a mulher é do sexo mais frágil e por isso deve ser tratada com respeito (I Pedro 3:7).A mulher porém, por amar o marido tem dele a confiança e por todos os dias ela só lhe faz o bem (Provérbios 31:11,12).O amor sexual não pode ser também fingido. Há quem diga senti-lo somente por uma pessoa. Foi o que aconteceu com a mulher imoral relatada em Provérbios 7:7-20. Na ausência de seu esposo ela sentia atração sexual por outros e desejava saciar-se de amores e sentir prazer com isso.(v. 18).E o homem deve sentir prazer com a sua mulher e somente ser atraído pelo seu amor continuamente (Provérbios 5:18,19).O Senhor é testemunha entre o amor do casal e deseja que este amor seja sincero (Malaquias 2:14,15).
      Como tem sido o seu amor ? Reflita na primeira citação bíblica inicial: “Que o amor de vocês não seja fingido...”O amor deve ser sincero pois é uma coisa que Deus colocou em nosso intimo. Na vida de comunhão, nas amizades,etc,não finja o amor...Na vida conjugal procure não mascarar o amor dizendo “eu te amo” somente.Se você diz que ama,mas não é paciente e bom;se tem ciume exagerado,se é orgulhoso,cheio de vaidades,grosseiro,egoísta,se irrita e guarda mágoas;se você sente prazer nas coisas erradas e não no que é certo,se você desiste fácil e não suporta com fé,esperança e paciência,você está fingindo o amor,pois o amor não tem dessas coisas.(I Corintios 13:4-7). Ame sem fingimento!!

Pastor batista e sua esposa missionária morrem em acidente no Espírito Santo

Duas pessoas morrem em acidente na BR 101 nesta manhã

Acidente foi entre dois carros, que bateram de frente

Foto: Nestor Müller
 Nestor Müller
José Freitas e Cléa Melo de Matos morreram no local do acidente

O pastor José Freitas de Matos, 67 anos, e a mulher dele, a missionária Cléa Melo de Matos, 61, que morreram em um acidente na manhã desta segunda-feira (27), estão sendo velados na Primeira Igreja Batista de Laranjeiras, na Serra. 

Os sepultamentos estão previstos para às 11 horas desta terça-feira (28), no cemitério Jardim da Paz, na Serra. O casal estava à frente da Missão Batista de São Roque do Canaã há três meses.

O  casal se envolveu em um grave acidente na BR 101 Norte, no trecho entre Timbuí e  Fundão, que passa por obras de recapeamento asfáltico, controladas pelo Dnit. A batida aconteceu às 7 horas, no km 230. O Fiat Uno MPJ 2649, dirigido pelo pastor, bateu de frente com o Hyundai ix35 ODN 8265.

Segundo informações passadas pelos policiais da Polícia Rodoviária Federal (PRF), José teria passado com os pneus do carro no pó de brita, que estaria acumulado na pista devido às obras. Isso fez o carro derrapar e rodar na pista. “Esse material é muito escorregadio e, se um carro passar por cima, a possibilidade de derrapar é grande”, disse um dos policiais.

Vice-prefeito de Boa Esperança em estado grave 

Sem controle, o Uno bateu de frente com o ix35, conduzido pelo vice-prefeito de Boa Esperança, Valdir Turini, 41, que estava acompanhado pela esposa, Kátia Bonato Loronzoni Turini, 44. O impacto foi muito forte, destruindo totalmente o Uno e a parte frontal do ix35. 

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros retiraram os feridos do ix35. Apesar dos ferimentos - havia suspeita de fraturas no motorista e na passageira -, eles estavam conscientes, no momento em que foram socorridos. Valdir e Kátia foram levados em estado grave para o Hospital Metropolitano, na Serra, de onde foram transferidos para o Hospital Praia da Costa, em Vila Velha .

Valdir e Kátia seguiam no sentido Vitória-Fundão e transportavam alguns pequenos móveis no carro. O material prensou os dois contra o painel frontal do carro. Eles só escaparam com vida – apesar da gravidade dos ferimentos – por estarem usando cinto de segurança. E o airbag de motorista e passageira foi acionado com o impacto.

Com o acidente, o trânsito na BR 101 Norte ficou complicado. Como os dois carros fecharam a pista no sentido Vitória-Fundão, longas filas se formaram nos dois sentidos, pois os policiais rodoviários precisaram fazer o sistema “siga-pare” em apenas uma das pistas, para que o tráfego não parasse totalmente.

Pó de brita pode causar acidente, diz especialista

O superintendente do Dnit, Ralph Luigi, afirmou que a empresa responsável pelas obras já foi notificada para explicar se havia restos de cascalho no asfalto. No entanto, ele ressalta que mesmo que exista qualquer condição adversa, esse tipo de acidente não acontece se o motorista tem um comportamento regular na direção. 

Não é o que diz o engenheiro civil Renato Prandina. Ele afirmou que o pó de pedra pode causar acidentes, dependendo do local onde estiver espalhado e do tamanho do material. "Sem dúvida nenhuma causa acidentes, principalmente em curvas. O revestimento asfáltico serve para dar o atrito necessário para que o condutor possa fazer a manobra sem perder o controle do veículo", informa o especialista.

Também deve ser analisado se o trecho continua em obras ou é uma parte já finalizada, porque normalmente, dentro do serviço executado, destaca Ralph, não há como um veículo se acidentar por eventuais condições da pista, já que o trecho funciona em sistema de pare e siga. Com informações de Nuno Moraes.

Fonte: Gazeta Online

Ex-diácono de igreja evangélica é preso por assaltar empresário em Jacaraípe.


Ruhani Maia
Paulo Coelho de Souza, 25, acusado de roubar empresário em Jacaraípe


Jovem, detido junto com adolescente, admitiu que praticou crime para comprar cocaína e pagar dívida de drogas.

Um ex-diácono evangélico, de 25 anos, e um adolescente, 15, que também frequentava a igreja, foram presos na tarde de quinta-feira (16) acusados de terem assaltado um empresário, 54, um dia antes, em Jacaraípe, na Serra.

Paulo Coelho de Souza estava na casa onde mora, no Bairro das Laranjeiras, também em Jacaraípe, junto com o menor. Os dois confessaram o crime. Eles roubaram uma moto, documentos e R$ 1.500 em dinheiro da vítima, e admitiram que praticaram o crime para comprar cocaína e pagar dívida de drogas.

“A gente tinha ido até a praia para fumar maconha. Quando estávamos atravessando a rua para voltar para casa meu amigo viu o homem na moto, passando devagar e me chamou para assaltá-lo. Assim que ele sacou a arma que carregava, eu também peguei a minha arma e assaltamos”, contou Paulo.



"A droga é um demônio. Fiquei curioso, resolvi experimentar e gostei"
Paulo de Souza
Preso por assalto


Segundo Paulo, tanto ele quanto o comparsa se conheceram há três anos, na igreja Pentecostal Ministério Água da Vida, de Jacaraípe. Há alguns meses, os dois pararam de frequentar a igreja e começaram a usar drogas. Por causa de amizades em comum, eles acabaram se reencontrando, já em um meio diferente ao da religião, e voltaram a ser amigos.

“Eu era obreiro da igreja e ele era diácono. Eu fazia pregações, louvava. Só que comecei a me envolver com uma menina e fiz umas amizades que acabaram me levando para as drogas”, revelou o adolescente.

A dupla foi presa por policiais do Destacamento Policial (DP) de Jacaraípe, na Serra, e foram autuados por dano, porque queimaram os documentos e cartões de crédito da vítima, por porte ilegal de arma, por roubo qualificado, por adulteração de veículo, porque a moto roubada sem a parte traseira e sem a placa. Paulo também foi autuado por corrupção de menores.

O adolescente foi encaminhado para a Unidade de Atendimento Inicial (Unai) e Paulo para o Centro de Triagem de Viana (CTV).

Fonte: Gazeta Online

Homem interrompe culto e ameaça fiéis com canivete


Ele ainda mordeu um jovem que tentou contê-lo. Vítima teve ferimentos no braço e no ombro

Um homem de 45 anos foi detido após ameaçar com um canivete várias pessoas que participavam de um culto em uma igreja evangélica no Centro de Linhares, Norte do Estado. Ele ainda mordeu um jovem de 22 anos. O fato aconteceu por volta das 19h desta terça-feira (14).

De acordo com a Polícia Militar, o agressor entrou na igreja armado com o canivete, interrompendo o culto, e ameaçou os fiéis. Ele começou a dançar e ainda rasgou alguns papéis, gritando palavrões. O jovem tentou contê-lo e foi mordido no braço e no ombro direito.

O agressor foi conduzido ao Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Linhares.

Fonte: Gazeta Online

Pastores da Maranata faziam negócios com a própria igreja



Em cinco anos, advogado chegou a receber R$ 2,8 milhões ao servir à instituição

Operação do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio do Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) no Presbitério da Igreja Maranata

Pastores e membros da cúpula da Igreja Cristã Maranata, descumprindo o estatuto da própria instituição, estabeleceram relação de negócios com a igreja, por meio de suas empresas, segundo revela o requerimento de ação penal pública encaminhado pelo Ministério Público Estadual à Justiça. Um dos advogados e pastor da Maranata teria recebido da igreja, em cinco anos, um total de R$ 2.895.319,18.

No documento, assinado por nove promotores do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), 19 pessoas são denunciadas por estelionato, formação de quadrilha, apropriação indébita e duplicata simulada, conforme A GAZETA divulgou ontem, com exclusividade. 

No estatuto anterior ao atual – este datado de 10 de dezembro de 2011 –, já havia restrição para que membros da diretoria mantivessem serviços e negócios comerciais com a entidade. O atual deixa isso bem claro, ressaltando o fato de que na igreja tudo deve ser feito em caráter de voluntariado.

Mas não é isso o que se vê na denúncia. Numa relação de membros da Maranata cujas empresas receberam valores do Presbitério, há pelo menos cinco membros da antiga diretoria. As transações comerciais das empresas dessas pessoas com a instituição totalizam, segundo o MP, R$ 915,9 mil. Mas a lista, com 23 nomes, indica uma movimentação de R$ 24,8 milhões, envolvendo transações comerciais de empresas de propriedade de outros pastores, diáconos e obreiros.

Para a promotoria, agia na Maranata “uma verdadeira organização criminosa”, tendo no “vértice da pirâmide do crime” o pastor fundador e atual presidente do Conselho Presbiteral da igreja, Gedelti Gueiros. 

Os denunciados, segundo os promotores, “obtiveram vantagem indevida valendo-se de artifícios fraudulentos – ora utilizando-se de empresas já constituídas, ora mediante constituição de empresas simuladas – visando a justificar emissão de notas fiscais superfaturadas para possibilitar a saída de dinheiro do Presbitério”.

Defesa: “Agindo serenamente”
A defesa de Antônio Ângelo Pereira dos Santos – ex-vice presidente do presbitério da Maranata – e de Leonardo Alvarenga – que atuava como contador da igreja – afirmou que está “agindo serenamente” diante da denúncia apresentada pelo MPES.

Além de estarem entre os 19 denunciados, ambos estão entre os apontados como “responsáveis e negligentes” em relatório da própria igreja, em 2011.

“No início, apenas ambos eram acusados, mas estamos contentes porque a verdade está aparecendo. Sempre nos portamos de modo a colaborar com as investigações”, disse o advogado José Luiz Oliveira de Abreu.

Outro advogado que atua no caso, Rodrigo Horta confirmou que defende denunciados, mas se negou dizer quem são e não se pronunciou. A GAZETA tentou contato com outros advogados e denunciados, sem sucesso. (Elton Lyrio)

Interventor diz: contratos com 26 empresas foram suspensos

A denúncia do Ministério Público e a “preservação da idoneidade” da Igreja Cristã Maranata levaram o administrador judicial da instituição, Julio Cezar Costa, a publicar ontem uma instrução de serviço na qual suspende o pagamento de 26 empresas com contratos firmados com a igreja.

Da lista fazem parte as empresas Angular Administradora e Corretora de Seguros, Carlos de Souza Advogados, Carlos Itamar Coelho Pimenta, CM&T Clínica Médica e do Trabalho, Comércio, Serviços e Transportes Amorim, Cubus Engenharia, Daniel Amorim de Oliveira, J.E. Scabelo Comércio de Papéis, J.S. Pneus e Serviços, José Gomes Filho, Leonardo Meirelles de Alvarenga, M2 Soluções Tecnológicas, Meneghel Soluções Tecnológicas.

E ainda: Moraes e Barcellos Advogados Associados, Paulo Pinto Cardoso Sobrinho, Peniel Atividades de Cobranças e Serviços de Construções, Petter Serralheria, Pharmalógica Farmácia de Manipulação, Pulso Corretora e Administradora de Seguros, S.O.S. 24 Horas Remoções, Urquisa Braga Neto, Vilamed Gastro Clínica, Voyager Viagens e Turismo, Wellington Neves da Silva, WW Cursos e Treinamentos e Zborlini Prestação de Serviços.

Das 26 empresas, 25 são citadas na denúncia do MP Estadual. O interventor diz que já havia suspendido contratos de cinco empresas em 11 de abril deste ano, com base numa instrução de serviço que veda contratação de empresas e particulares, além de operações de compra que não atendam ao estatuto da Maranata.

Dissidente afirma que ainda há fatos a ser investigados

Dissidente da Igreja Cristã Maranata desde 2009 e “líder” de um grupo de pessoas que apresentaram denúncias em vários órgãos para pedir a apuração do desvio do dízimo, o advogado Leonardo Lamego Schuler disse ontem que “o que se busca é que se tire o mal de dentro daquele lugar que sempre foi bom”.

Para Schuler, “era absolutamente previsível” o pedido de instauração de ação penal pública incondicionada, acompanhada de denúncias de 19 pessoas, que foi apresentada à Justiça pelo Ministério Público Estadual e que aguarda agora decisão do juiz da 8ª Vara Criminal de Vitória.

“As provas são óbvias”, diz Schuler, que afirma ter sido, inicialmente, contratado gratuitamente para representar um grupo de cerca de 120 pessoas, insatisfeito com o que acontecia na Maranata. Denúncias dessas pessoas, inicialmente, foram levadas à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal.

Para o advogado, a Maranata “sempre foi exemplo de dedicação e organização”. E ele faz questão de frisar: “Nossa batalha não é contra a Maranata, mas contra as pessoas que tomaram posse daquele lugar, que sequestraram a nossa fé e fizeram muito mal às nossas famílias”.

Firme na decisão de “buscar a apuração da verdade, doa a quem doer”, Schuler diz que ainda há fatos a serem investigados em relação ao grupo apontado como responsável por desvios de recursos na igreja. “Como advogado, sempre disse que não deveríamos denunciar sem ter provas”, argumenta ele.

Fonte: A Gazeta

ALGUNS DOS MOMENTOS EM QUE JESUS FOI ADORADO...


"E, vendo eles a estrela, regozijaram-se muito com grande alegria. E, entrando na casa, acharam o menino com Maria sua mãe e, prostrando-se, O ADORARAM; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro, incenso e mirra" (Mateus 2:10-11).

"Jesus ouviu que o tinham expulsado e, encontrando-o, disse-lhe: Crês tu no Filho de Deus? Ele respondeu, e disse: Quem é ele, Senhor, para que nele creia? E Jesus lhe disse: Tu já o tens visto, e é aquele que fala contigo.  Ele disse: Creio, Senhor. E O ADOROU." (João 9:35-38).

"Nem se deita vinho novo em odres velhos; aliás rompem-se os odres, e entorna-se o vinho, e os odres estragam-se; mas deita-se vinho novo em odres novos, e assim ambos se conservam. Dizendo-lhes ele estas coisas, eis que chegou um chefe, E O ADOROU, dizendo: Minha filha faleceu agora mesmo; mas vem, impõe-lhe a tua mão, e ela viverá. E Jesus, levantando-se, seguiu-o, ele e os seus discípulos." (Mateus 9:17-19).

"E eis que uma mulher cananéia, que saíra daquelas cercanias, clamou, dizendo: Senhor, Filho de Davi, tem misericórdia de mim, que minha filha está miseravelmente endemoninhada. Mas ele não lhe respondeu palavra. E os seus discípulos, chegando ao pé dele, rogaram-lhe, dizendo: Despede-a, que vem gritando atrás de nós.
E ele, respondendo, disse: Eu não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel. Então chegou ela, E O ADOROU, dizendo: Senhor, socorre-me!" (Mateus 15:22-25).

"E, descendo ele do monte, seguiu-o uma grande multidão. E, eis que veio um leproso, E O ADOROU, dizendo: Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo. E Jesus, estendendo a mão, tocou-o, dizendo: Quero; sê limpo. E logo ficou purificado da lepra" (Mateus 8:1-3).

"E, saindo elas pressurosamente do sepulcro, com temor e grande alegria, correram a anunciá-lo aos seus discípulos. E, indo elas a dar as novas aos seus discípulos, eis que Jesus lhes sai ao encontro, dizendo: Eu vos saúdo. E elas, chegando, abraçaram os seus pés, E O ADORARAM" (Mateus 28:8-9). "E os onze discípulos partiram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes tinha designado. E, quando o viram, O ADORARAM; mas alguns duvidaram" (Mateus 28:16-17).

"E, quando subiram para o barco, acalmou o vento. Então aproximaram-se os que estavam no barco, E ADORARAM-NO, dizendo: És verdadeiramente o Filho de Deus." (Mateus 14:32-33).

"E aconteceu que, abençoando-os ele, se apartou deles e foi elevado ao céu. E, ADORANDO-O eles, tornaram com grande júbilo para Jerusalém. E estavam sempre no templo, louvando e bendizendo a Deus. Amém" (Lucas 24:51-53).

Prefeitura de Cariacica-ES quer criar grupo para dar tratamento VIP às igrejas


Prefeitura quer grupo só para atender igrejas

Gerência Sociorreligiosa vai tratar de disque-silêncio a obras

 As igrejas de Cariacica podem ter um tratamento VIP na prefeitura. O prefeito Juninho (MD) quer criar uma Gerência Sociorreligiosa para atender demandas de variadas denominações, desde licença para realização de obras até problemas com o disque-silêncio. 

A intenção é dar mais agilidade e um tratamento adequado à resolução dessas questões. “A Secretaria de Meio Ambiente trata as igrejas como bares e casas noturnas. Já chegou a pessoa com colete e encerrou o culto”, alega Juninho. 

Ele ressalta, entretanto, que apesar de a fiscalização quanto ao volume das celebrações ficar por conta da nova gerência, as igrejas não vão poder “fazer barulho à vontade”.

A ideia de criar o órgão, ainda segundo o prefeito, surgiu após a observação de que as igrejas precisam de mais atenção e que têm dificuldades na relação com o poder público. 

À frente da gerência estará o pastor da igreja batista Douglas Lopes Gomes, que já atua como assessor técnico na prefeitura. Ele diz que a gerência, ligada diretamente ao gabinete do prefeito, não beneficiará apenas os evangélicos.

“Ela não vai ser criada para atender igreja evangélica, mas qualquer denominação, seja igreja católica ou centro espírita”, afirma o pastor.

O projeto não contempla, no entanto, o repasse de verbas às denominações. Para ser implantada, a gerência precisa de aprovação da Câmara Municipal. A proposta deve ser enviada pela prefeitura aos vereadores em junho.

Apoio

Presidente da Associação dos pastores de Cariacica, Solimar Lopes diz que é “absolutamente favorável” à proposta. “É uma forma de viabilizar as igrejas”, disse.

O padre Edemar Endringer, da Paróquia Bom Pastor, declarou que sabe por alto do projeto. “Tenho medo que a gerência possa favorecer um grupo em detrimento de outro, mas se for democratizar, é bom. Agora, a igreja tem que andar com as próprias pernas, não pode depender da prefeitura porque a administração é laica”, alertou o padre.

Integrante da Comunidade Espírita Gabriel Delane, Elza Santos também tem uma preocupação: “Eu nem estava sabendo dessa proposta, mas todos os líderes religiosos têm que se reunir para decidir quem ficará à frente. Por que será um pastor?”, questiona.

Professor: benefício deve ser amplo
Para o professor de Direito Julio Pompeu, especialista em Ética de A GAZETA, a proposta de criação da Gerência Sociorreligiosa é, a princípio, “ uma estrutura administrativa estranha”, mas não ilegal.

O problema é se o órgão beneficiar apenas pessoas ligadas a religiões ou a uma determinada religião.

“Eu não sei se um pai de santo aparecendo lá vai ser recebido da mesma forma que um pastor”, pontua o professor.

“Além disso, sendo um tema sobre religião, corre o risco de acontecer o que ocorre no Congresso, em que há uma frente evangélica, um bloco movido por discurso religioso. O problema é que religião é uma escolha e quando se legisla com base nisso, desconsidera-se as pessoas que não fizeram essa escolha”, ressalta Pompeu.
Outra questão levantada pelo professor é que, embora não tenha o objetivo de repassar recursos às instituiçõres religiosas, a gerência terá servidores à disposição, pagos com dinheiro público, e o trabalho que vão desempenhar na prática merece atenção.

Religiosos

“Às vezes a gente precisa de uma licença ou de um alvará e vai para um lado, depois para outro. A gerência pode facilitar isso”
Solimar Lopes, pastor

“Se for apenas para democratizar e organizar, é bom. Mas a igreja tem que andar com as próprias pernas, não pode depender da prefeitura”
Edemar Endringer, padre

Fonte: A Gazeta

Polícia investiga se morte de adolescente tem relação com seita satânica em Guarapari


TV Vitória
Reprodução TV Vitória

Foi enterrado na manhã desta terça-feira (30), o adolescente de 16 anos que foi encontrado morto dentro de casa em Guarapari. Os pais desconfiam que Allan Neves Brandini tenha feito um pacto de morte na internet.
O pai chorou só de lembrar a cena que encontrou em casa ao retornar da igreja acompanhado da mulher. “Naquele momento, tentando reavivá-lo, pedindo em oração: ‘Senhor, ressuscita meu filho’. A dor era tremenda. Eu tocava os pulsos dele e ele estava gelado. O impacto estrangulou ele, provavelmente ele tinha quebrado o pescoço”, disse o técnico em instrumentação Alexsandro Brandini.
Segundo os pais, Allan havia trocado a escola pelo vício em internet. Mãe e pai suspeitam que o filho tenha se enforcado depois de seguir uma seita satânica. “Ele começou a acessar a internet e no começo ele estava normal. Depois, começou se aliar aos emos e a se vestir de preto. Até então, eu achei que era coisa passageira, mas ele foi se aliando a coisa pior, aos góticos, que é uma seita satânica. De lá para cá ele já começou a ficar diferente, agressivo, a gente não podia falar nada com ele. Ele me agredia, me ameaçava de morte. Chamei ele e ficamos um tempão conversando. Falei de Deus para ele e disse que tinha uma solução ainda. Ele tinha feito um pacto com o diabo. Eu falei que ele era jovem, que tinha muita vida pela frente e ele disse que não chegaria aos 17 anos. Não passava pela minha cabeça que ele estava com o intuito de fazer aquilo naquele dia”, contou a diarista Beatriz Neves.
 A mãe lembra que os mesmos amigos que podem ter influenciado na decisão de Allan, sequer compareceram ao velório dele. “Espero que outros pais fiquem mais atentos ao que seus filhos fazem na internet porque tudo foi por causa das pessoas com que ele conviveu e que hoje, no mínimo, estão rindo ou zombando”, alertou Beatriz.
Pelo menos dois delegados devem investigar se, de fato, a morte de Allan está relacionada à seita satânica. Os pais do jovem se mostraram dispostos a colaborar com o trabalho da polícia. “Todos os equipamentos, o notebook que me pertence onde constam as senhas e todo tipo de acesso no perfil dele no Facebook e todas as pessoas que ali estão mencionadas. Estou pronto para oferecer à polícia de crimes virtuais tudo isso, inclusive o celular”, garantiu Alexsandro.
A mãe disse que a tragédia poderia ter sido evitada e lamenta não ter tido tempo para dizer ao filho mais velho o que sentia por ele. “Deixei de dizer que o amava muito. A gente nunca imagina o que ele iria fazer. Como ele estava muito atormentado, não tive tempo de abraçá-lo, nem de dizer que eu o amava”, lamentou Beatriz.
A morte está sendo investigada pela Delegacia de Crimes Contra a Vida de Guarapari e até o momento não há novidades sobre o caso.
Fonte: Folha Vitória

Seita satânica: jovem se enforca em Guarapari, Espírito Santo



Uma tragédia abalou uma família no último domingo (28) em Guarapari. O jovem Allan Neves Brandini, 16 anos, se enforcou dentro de casa, após os pais saírem para a igreja. De acordo com o jornal A Tribuna, quem encontrou o corpo do filho – que estava amarrado no puxador da janela – foi sua mãe, Beatriz Dias Neves. Ela tinha acabado de chegar da igreja e assim que viu o corpo do filho,  gritou pelo pai do adolescente, Alessandro Brandini, que  desamarrou o filho e tentou ainda uma massagem cardíaca, mas era tarde demais.
Allan era viciado em internet.
Allan era viciado em internet. Foto: Arquivo pessoal.
Internet. De acordo com os pais, o filho estava bastante agressivo. Ele teria mudado de comportamento assim que o pai dele colocou internet em casa para estudar. “Com o passar do tempo, tornou-se agressivo nas palavras e nas ações. Ele até nos agredia”, disse mãe do adolescente.
Ainda de acordo com ela, o filho estudava tudo sobre o diabo e estaria participando de uma seita satânica. “Uma vez ele me chamou para ver os 10 mandamentos de Deus e os 10 mandamentos do diabo. Ele queria colocar na minha cabeça que o diabo não era ruim e que Deus não existia”, explicou ela, dizendo ainda que os amigos virtuais do jovem ficavam blasfemando contra Deus.
Pacto com o diabo. Os pais do garoto – que se intitulava, Anjo Caído ( diabo), em sua página numa rede social- disseram ainda que Allan, afirmou ter feito um pacto com o diabo e que não chegaria a completar 18 anos. Mas no último domingo, afirmou que não chegaria nem mesmo  aos 17 anos, que seriam completados no dia 20 de outubro. “Mãe tá chegando a minha hora”, teria dito ele.
546423_192764220864912_259927297_n
“Mãe tá chegando a minha hora” Foto:Arquivo Virtual.
O pai do adolescente, bastante abalado disse que a internet é uma coisa diabólica. “A internet é um inimigo oculto”, afirmou. Mas, não deixou de alertar outros pais.”Mesmo assim, pais, nunca desistam de seus filhos. Sejam sempre vigilantes”, falou.
Seita. De acordo com A Tribuna, a polícia vai investigar a possível ligação de Allan, com uma seita satânica virtual. Dois delegados da policial civil estão no caso. A delegacia de crimes contra a vida também vai instaurar inquérito para investigar a morte do garoto. Está no caso também a delegacia de repressão aos crimes eletrônicos.  “Iremos verificar com quem ele falou, se alguém instigou esse crime”, explicou o delegado Leandro Piquet.
Com informações do jornal A tribuna.

Parte dos capixabas desconfia cada vez mais nas instituições religiosas


Pesquisa revela que população capixaba confia cada vez menos nas instituições religiosas.

Entre 2010 e 2012, aumentou o número de pessoas que não acreditam nas igrejas

Em tempos de mudanças nas igrejas, uma pesquisa realizada no Estado pelo Instituto Futura revela que a população capixaba confia cada vez menos nas instituições religiosas. Entre 2010 e 2012, o número de pessoas que disseram não acreditar nas igrejas aumentou de 39,7% para 46,3%.

Já entre os que creem, o percentual caiu de 58,8%, em 2010, para 51,3%, em 2012. O levantamento avaliou o nível de confiança das pessoas nas instituições, sejam elas do âmbito privado ou público. O Corpo de Bombeiros lidera a lista com 91,5 de credibilidade. Na sequência vêm Procon (68,8%), organizações de proteção ao meio ambiente (64,8%) e Polícia Federal (60,5%). Em último aparecem os partidos políticos, com 6,3%.

Na avaliação do teólogo e especialista em Religião de A GAZETA, Vítor Nunes Rosa, vários fatores conduzem ao desgaste dos grupos religiosos. “As instituições representam valores absolutos aos quais as pessoas não estão se apegando mais”, diz. Ele aponta também que esse questionamento se dá principalmente entre pessoas com maior grau de escolaridade. Mas também há fatores relacionados diretamente à atuação das igrejas que ajudam na queda de credibilidade. “Denúncias de corrupção, desvio de dinheiro e pedofilia causam desgaste”, alerta.

A mercantilização da fé é outra das razões. “A visão pragmática de certas religiões tem levado as pessoas à descrença”, observa. Rosa também aponta outra importante mudança no ponto de vista das pessoas: “Antes os mau-feitos eram avaliados de forma individual, e as instituições eram preservadas. Isso também”.

A visão negativa, segundo Rosa, está relacionada ao trabalho de denúncia mais intenso feito por segmentos sociais, entre eles a imprensa. “Os indicadores são fundamentais sobretudo para igrejas históricas, para que elas repensem seu papel social. É momento de reavaliação”, diz. A pesquisa ouviu 400 pessoas em Vitória, Vila Velha, Cariacica e Serra.

Quem confia

Bombeiros 2010: 84,91% 2012: 91,5%

Procon 2010: 60,8% 2012: 68,8%

Organizações de proteção ao meio-ambiente 2010: 58,1% 2012: 64,8%

Polícia Federal 2010: 54,8% 2012: 60,5%

Instituições religiosas 2010: 58,8% 2012: 51,3%

Ministério Público 2010: 45,7% 2012: 51,0%

Mídia 2010: 41,7% 2012: 44,0%

Polícias 2010: 40,0% 2012: 60,0%

Governos 2010: 37,0% 2012: 35,8%

Justiça 2010: 27,8% 2012: 32,0%

Sindicatos 2010: 24,8% 2012: 30,5%

Assembleia Legislativa 2010: 17,1% 2012: 14,3%

Câmara de Vereadores 2010: 14,9% 2012: 11,3%

Partidos políticos 2010: 9,2% 2012: 6,3%

Quem não confia 

Bombeiros 2010: 14,4% 2012: 7,5%

Procon 2010: 36,5% 2012: 26,5%

Organizações de proteção ao meio-ambiente 2010: 39,2% 2012: 34,8%

Polícia Federal 2010: 42,9% 2012: 38,5%

Instituições religiosas 2010: 39,7% 2012: 46,3%

Ministério Público 2010: 50,4% 2012: 45,8%

Mídia 2010: 57,1% 2012: 55,5%

Polícias 2010: 61,5% 2012: 59,8%

Governos 2010: 61,0% 2012 63,5%

Justiça 2010: 70,5% 2012: 67,3%

Sindicatos 2010: 72,5% 2012: 68,8%

Assembleia Legislativa 2010: 80,4% 2012: 83,5%

Câmara de Vereadores 2010: 82,4% 2012: 86,5%

Partidos políticos 2010: 89,1% 2012: 93,5%

Instituições Religiosas

50% dos moradores da Serra não confiam na igreja. É o maior percentual da Grande Vitória Os que mais confiam (55,4%) moram em Cariacica

64,1% dos que mais confiam têm entre 50 e 59 anos

A maior parte dos que não confiam (53,8%) está entre 30 e 39 anos

53,4% dos que confiam têm apenas o nível fundamental

49,2% dos que não confiam têm o ensino superior

Fonte: A Gazeta

Fiéis fazem 'vaquinha' para pastor e ex-pagodeiro Waguinho não ser preso

Ex-pagodeiro deve R$ 103 mil de pensão à filha que teve com Solange Gomes



Foto: Divulgação
Divulgação
Pastor e ex-pagodeiro Waguinho já foi preso em 2004 pelo mesmo motivo


O ex-pagodeiro Waguinho pode ser preso. Segundo o jornal Extra, o músico, agora pastor na Assembléia de Deus dos Últimos Dias, teve a prisão decretada no último dia 18 por não pagar a pensão alimentícia da filha que teve com a modelo Solange Gomes.

De acordo com a publicação, a dívida é de aproximadamente R$ 103 mil. Waguinho entrou com o pedido de renegociação oferecendo R$ 45 mil. Segundo o jornal, este dinheiro teria sido obtido por meio de uma "vaquinha", com dinheiro de fieis da igreja, liderada pelo pastor Marcos Pereira.

A pensão para a filha de 13 anos é no valor de oito salários mínimos, mas Waguinho alega que é impossível arcar com o valor uma vez que recebe R$ 10 mil por mês.

Em entrevista ao Extra, a advogada de Solange Gomes questiona a renda declarada por Waguinho à Justiça e afirmou que só ira se pronunciar depois de ser devidamente intimada. A audiência que discutirá a revisão do valor da pensão acontece daqui a dois meses. A intenção é que o músico pague apenas dois salários mínimos.

Fonte: Gazeta Online

Menina foge de casa para encontrar a namorada e caso acaba na polícia


As duas garotas se conheceram por meio de um site de relacionamento lésbico no Facebook.

Uma adolescente de 16 anos fugiu de casa na quarta-feira (24) após conhecer e apaixonar-se por uma mulher de 24 anos por meio de uma página destinada a jovens lésbicas no Facebook. A aventura amorosa, no entanto, foi parar na polícia, nesta quinta-feira (25).  

Na manhã de quarta-feira, a estudante de 16 anos  saiu da casa onde mora com a mãe e a avó, em um bairro de Vila Velha, e tomou um ônibus para a casa da namorada, em outro bairro do município, sem avisar aonde ia. O pai de Fernanda, um servidor público de 42 anos, ficou desesperado ao ser informado, pela ex-mulher, que a filha  não havia voltado para casa após a escola.

Começava aí uma verdadeira peregrinação à procura da adolescente. “Esperamos até a noite, mas como ela não chegava, fui ficando desesperado. Foi aí que comecei a procurar por alguma informação no Facebook”, conta o pai. O homem afirma que viu a troca de mensagens entre a filha e a mulher. “Essa mulher aliciou minha filha, se aproveitou da fragilidade dela. Pelas mensagens, deu para perceber que estava tudo combinado entre as duas para minha filha ir para a casa dela”,  afirma o pai.

Estudante teria dito para a namorada que tinha 18 anos 

A mulher  nega a acusação do pai da adolescente. “Foi ela que me ligou. E ainda me disse que ia fazer 18 anos mês que vem”, garante. Após ver as mensagens na rede social, o pai chegou ao endereço de parentes da mulher, em Vila Velha, e conseguiu o número de telefone dela, já que a filha não atendia às ligações. “Primeiro, ela dizia que minha filha não estava com ela. Depois que eu disse que ia colocar a polícia atrás dela,  acabou confessando e me deu o endereço”, afirma o pai. As duas estavam na casa da irmã da jovem de 24 anos, em Fundão. 

Na manhã desta quinta-feira, quando o pai finalmente conseguiu chegar ao endereço onde a filha estava, a adolescente saiu por uma janela, caindo de uma altura de três metros, para tentar fugir do pai. “Ela me dizia o tempo todo que não ia voltar para casa. Quando viu que o pai dela estava mesmo chegando, tentou fugir. Não consegui segurá-la”, conta a mulher.

A polícia foi acionada, e todos os envolvidos foram levados para a Delegacia de Polícia (DP) de Fundão. As duas jovens e os familiares prestaram depoimento, mas todos foram liberados. Policiais da DP informaram que a mulher não poderia ser acusada de nenhum crime porque a adolescente  tem mais de 14 anos e fugiu de casa por vontade própria. Além disso, as duas garantiram que não houve relação sexual.

Jovem diz que tentou convencer adolescente a não fugir

A mulher de 24 anos que se envolveu com a adolescente de 16 conta que o relacionamento das duas começou quando ela  postou seu telefone em um site para meninas homossexuais, com o objetivo de encontrar uma namorada.

Ela diz que a adolescente telefonou para ela. A partir daí, as duas passaram a se comunicar por telefone, mensagens SMS e pelo Facebook. A mulher afirma que na quarta-feira recebeu uma ligação da garota, que estava no Terminal de Itaparica e avisava que havia saído de casa e estava indo para a residência dela. “Mas eu não estava em casa. Estava na casa da minha mãe,  em Fundão. Tentei convencê-la de todas as formas a voltar para casa, mas ela não aceitou. Então, para não deixá-la sozinha, fui buscá-la no terminal”, explica.

As duas foram para a casa de uma irmã da mulher, em Fundão, município do Norte do Estado. “Não fomos para a casa da minha mãe porque ela ainda não sabe da minha opção sexual”, explica a jovem de 24 anos. 

Fonte: Gazeta Online

Pastor batista morre em acidente de moto na BR 101 no Espírito Santo




Lindenberg Raimundo Lima morreu praticando um de seus passatempos favoritos: andar de moto nos dias de folga

Uma colisão entre uma moto e um Fiat Uno, no KM 240 da BR 101 Norte, na região de Chapada Grande, na Serra, por volta das 18h30 de ontem, resultou na morte do pastor Lindenberg Raimundo Lima, de 34 anos. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal a colisão aconteceu enquanto um dos veículos atravessava a pista e foi atingido pelo outro veículo.

O pastor era ministro da Primeira Igreja Batista de Taquara II, na Serra e segundo um colega de ministério, o pastor Fábio, todas as sextas-feiras, Lindenberg costumava tirar folga e saia para aproveitar um de seus passatempos favoritos: passear de moto. “Infelizmente, hoje aconteceu essa tragédia’, afirmou Fábio.

Logo após o acidente, amigos e fiéis já postavam mensagens de condolências à família e deixavam despedidas e comentários sobre a vida de sacerdócio e exemplo deixada pelo pastor para os amigos e fiéis.

Weslei Lima, irmão de Lindenberg, informou à reportagem que o pastor era uma pessoa muito tranquila e alegre. Ele confirmou que o irmão tinha o hábito de passear de moto nos seus dias de folga, inclusive com outros pastores, mas que hoje tinha saído sozinho. “Estamos muito abalados com o que aconteceu. Vamos orar muito por ele e pedir o conforto do Senhor nessa hora”, lamentou.

Fonte: Gazeta Online

Família pede ajuda para jovem com distrofia muscular degenerativa na Serra.


ISSO NÃO É MAIS UMA DESSAS MENTIRAS QUE POSTAM NO FACE... ISSO NÃO É AQUELE NEGÓCIO DE COMPARTILHAR E O FACEBOOK DOAR... E ALGUÉM DIRÁ QUE ISSO É PARA O GOVERNO, MAS NÓS PODEMOS FAZER MAIS POR ELES.

Família foi esquecida pelas autoridades e necessita de apoio.

Drama na vida de uma família que mora em Serra Dourada, na Grande Vitória. Tiago, que hoje tem 17 anos, teve, logo após nascer, o diagnóstico de uma grave doença. Ele sofre de distrofia muscular degenerativa. 

Diante de tanto sofrimento, a tia do jovem, a dona de casa Cláudia da Silva de Oliveira resolveu gravar um vídeo narrando todas as dificuldades pelas quais o sobrinho e a família passam. "Não recebemos os medicamentos das autoridades, temos que pagar por eles, não temos acompanhamento médico para o Tiago. Pelo amor de Deus! Precisamos de ajuda do Estado", desabafa.

O vídeo foi enviado ao canal Eu Aqui por uma amiga de igreja de Cláudia. Ester Freitas, gerente de automação comercial, frequenta a Assembleia de Deus com a família de Tiago e vê de perto o sofrimento deles. "Eles não têm recursos e foram esquecidos pelas autoridades", comentou Ester.

Ajude

Enquanto as autoridades não olham por Tiago, a família precisa de ajuda emergencial. Quem puder doar qualquer quantia pode fazer depósito na conta da tia do rapaz.

Conta Corrente Bradesco
Agência 2612
Conta 14922-5

VEJA O VÍDEO: 




VAMOS AJUDAR! IREI FAZER O DEPÓSITO! FAREI A MINHA PARTE.

"Travesti com certeza foi uma vítima de pedofilia", polemiza Magno Malta


"Travesti com certeza foi uma vítima de pedofilia", diz Malta.
Senador considera que a pedofilia "conduz ao homossexualismo".


O senador Magno Malta (PR-ES), que presidiu a CPI da Pedofilia, disse que os travestis "com certeza" foram abusados na infância ou na adolescência. A declaração foi dada ao site de notícias SRDZ.  Malta fez as afirmações ao comentar sobre uma decisão da Justiça holandesa que autorizou a existência de uma associação de pedófilos no país.

"Quando a gente encontra um jovem travesti, com certeza é uma vítima da pedofilia. A criança abusada pode virar um abusador e começa uma geração de pedófilos. Pedofilia não é propriamente homossexualismo, mas conduz para a mesma prática", declarou Magno Malta, segundo o site.

A reportagem informa que o parlamentar também fez referência a gays, lésbicas, transexuais e travestis como uma "geração" criada a partir da pedofilia. "A pedofilia causa verdadeiramente a desintegração da sociedade criando uma geração de homossexuais, transexuais, casais de lésbicas, gays e milhares de travestis, gerando um grande universo de prostituição e desvio de conduta", disse Malta.

Fonte: Gazeta Online

Pastores da Maranata movem 16 ações contra dois jornais capixabas por estarem publicando matérias de desvio de dízimo


Pastores da Maranata movem 16 ações contra a Rede Gazeta

Processos foram ajuizados no mesmo dia, em comarcas de quatro cidades mineiras.

Dezesseis ações estão sendo movidas na Justiça por pastores da Igreja Maranata contra os jornais.
A GAZETA e Notícia Agora, ambos da Rede Gazeta. Elas questionam matérias que vêm sendo publicadas desde o ano passado e que tratam do desvio de recursos do dízimo doado pelos fiéis. Esse esquema ocasionou um rombo no caixa da igreja, fato que a própria instituição admite.
Todos os processos foram ajuizados no último dia 21 de fevereiro, em comarcas de quatro cidades mineiras: Belo Horizonte, Betim, Contagem e Divinópolis. São locais distantes da sede comercial da Rede Gazeta, em Vitória, o que força o deslocamento de advogados que farão a defesa da empresa. “É uma conduta que se caracteriza como assédio processual e tem o objetivo de impingir um alto custo para a defesa”, diz o advogado da Rede Gazeta Pablyto Robert.

Semelhanças

Apesar de terem sido protocoladas em cidades distantes, num raio de 150km, as ações guardam em comum muitas semelhanças: são assinadas pelo mesmo advogado, foram apresentadas no mesmo dia, distribuídas simetricamente – quatro processos para cada cidade – e possuem os mesmos textos.

O advogado Pablyto Robert destaca que é pouco provável 16 pessoas se sentirem ofendidas, pelos mesmos motivos, em cidades diferentes e encontrarem o mesmo advogado. E mais: difícil reclamarem na Justiça de matérias publicadas em jornais que não circulam em suas cidades. “Os sinais são claros de que há uma estratégia encabeçando essas ações”, observa Robert.

Não há dúvidas, acrescenta o advogado, de que as ações são um claro ataque à liberdade de imprensa. Acrescenta que o objetivo é um recado velado: “Se continuarem com a cobertura jornalística, as ações vão se multiplicar”.

Para o diretor-geral da Rede Gazeta, Carlos Fernando Lindenberg Neto, é lamentável o fato de que haja indícios, nas ações promovidas por pastores da Maranata, de intimidação ao trabalho jornalístico. “Estamos tranquilos, porque cumprimos o nosso papel de informar os leitores sobre o que estava acontecendo”, destaca o diretor, acrescentando que as informações foram publicadas também em defesa dos fiéis da igreja.

Ataque

Além da Rede Gazeta, outras pessoas foram alvo de ameaças e processos, como os promotores do Grupo de Atuação e combate ao Crime Organizado (Gaeco), que conduzem as investigações. Eles foram denunciados até no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

No mês passado, quatro pastores – incluindo o presidente interino da Maranata – foram presos sob a acusação de ameaçar testemunhas. Uma delas foi uma juíza que depôs à Polícia Federal, afirmando ter sido ameaçada em seu gabinete. O objetivo era garantir que fossem alterados depoimentos já prestados sobre o desvio de recursos do dízimo. De pelo menos 20 pessoas ameaçadas sete chegaram a alterar suas declarações após intimidações.

Investigação

Já há até uma solicitação de investigação contra um promotor de Minas Gerais – Marco Antonio Picone Soares –, mesmo Estado onde tramitam as ações contra a Rede Gazeta. A proposta é do juiz da Vara de Central de Inquéritos, Marcelo Loureiro, que autorizou o empréstimo de provas para o Ministério Público Estadual de Minas Gerais para que se abrissem investigações contra o promotor, que é pastor da Maranata.

Picone é apontado como uma das pessoas que ameaçaram a juíza. O MP mineiro não confirmou a abertura de processo contra o promotor, alegando que esse tipo de ação tramita na Corregedoria, em sigilo.

Textos das ações são todos iguais

As argumentações e os textos das 16 ações movidas contra a Rede Gazeta são exatamente iguais. “Em cada processo só muda o nome da pessoa e a cidade”, explica o advogado da Rede Gazeta Pablyto Robert.

Com as mesmas frases e expressões, os pastores alegam que se sentiram ofendidos com as reportagens e “que as notícias estão embasadas em especulações e denúncias sem conhecimento oficial”, diz o texto das ações. Há ainda acusações de que a Rede Gazeta “violou os limites da liberdade de manifestação” ao publicar matérias “que não condizem com a verdade dos fatos”. Acrescentam que não possuem com a igreja “vínculo empregatício nem remuneração”.

Todas as matérias publicadas pela Rede Gazeta decorrem de denúncias de fiéis e de investigações da própria igreja. E também de processos que tramitam na Justiça, fruto de outras investigações, feitas por Ministério Público Estadual e Federal, Polícia Federal e Receitas Federal e Estadual. O material está respaldado por documentos obtidos pelos jornalistas da Rede Gazeta.

Universal processou Folha de S. Paulo

Pastores e membros da Igreja Universal moveram, em 2008, ações contra o jornal Folha de S. Paulo e contra a jornalista Elvira Lobato. Eles também alegaram na Justiça que se sentiram ofendidos com a publicação da reportagem “Universal chega aos 30 anos com império empresarial”, publicada em dezembro de 2007.

A maioria dos processos foi ajuizada em comarcas remotas, em vários Estados brasileiros, levando o deslocamento de advogados e jornalistas pelo país afora. E os adeptos da Igreja Universal também utilizaram, em suas ações, textos semelhantes e até as mesmas frases.

Todas as ações da Universal foram rejeitadas pela Justiça. A última decisão foi confirmada posteriormente pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

A série de processos movida pela igreja foi classificada pelo juiz Edinaldo Muniz dos Santos como “assédio judicial”. Ao todo, foram movidas três ações pela Universal e 110 por seus fiéis contra o jornal Folha de S. Paulo.

O outro lado Igreja: se ganharem na Justiça, pastores vão doar valor das indenizações

Em nota, a Igreja Maranata informou que “não está processando qualquer órgão de imprensa nem teve influência sobre a decisão de 16 pastores que julgaram ter suas honras ultrajadas pela maneira como o jornal divulgou reportagens”, diz a nota. Acrescentou que “os pastores ingressaram no Juizado Especial Cível, como pessoas físicas, pois julgaram que o jornal extrapolou na forma como retratou símbolos sagrados para a Igreja, como a Bíblia”. Informa ainda que não foi consultada a respeito dos processos e que os pastores estão sendo representados por um único advogado por se tratar de uma causa comum a todos. Informa ainda que, “caso sejam julgadas procedentes as ações, os pastores concordaram em doar o valor integral das indenizações a uma instituição de apoio a menores”. Já o promotor Marco Antonio Soares Picone informou que apresentou a sua defesa aos órgãos competentes.

Fonte: A Gazeta

Evangélicos no Espírito Santo falam sobre homossexualidade em reportagem especial de A Gazeta


O Jornal A Gazeta deste domingo trás uma reportagem especial sobre opiniões de evangélicos capixabas contra a homossexualidade. Veja:

Homossexualidade: evangélicos querem direito de discordar.
Eles desejam expressar suas crenças sem recriminação.

O casal Flávia Vaz, 36, e Mário Vaz Júnior, 39, são evangélicos da Igreja Missão Praia da Costa, em Vila Velha. Eles educam seus três filhos a partir dos preceitos bíblicos repassados por seus pais e que contemplam valores de uma família tradicional. Neles não está incluída a aceitação da homossexualidade, tema de muitos debates em todo o país.

Foto: Bernardo Coutinho
Bernardo Coutinho
Flávia Vaz e o cirurgião pediátrico Mário Vaz Júnior


Valores que o casal Flávia, que é psicóloga, e Mário, cirurgião pediátrico, assim como milhares de outros evangélicos no Brasil, querem defender. E mais, querem ter o direito de expressar suas crenças sem nenhuma recriminação. Pregam o respeito, mas também não querem ser perseguidos por discordarem do casamento gay e das alterações na legislação para a criminalização da homofobia.

Atualmente, em ânimos para lá de exaltados, deputados e senadores discutem projetos de lei que visam a ampliar os direitos dos homossexuais, com forte oposição dos evangélicos. Declarações bombásticas do pastor Silas Malafaia e do deputado e pastor Marco Feliciano, presidente da 
Comissão de Direitos Humanos da Câmara, acrescentam pólvora aos debates cada vez mais acalorados e artistas assumem a bandeira e divulgam publicamente sua orientação sexual – a exemplo da cantora baiana Daniela Mercury que trocou alianças com uma mulher na última semana. 

Para fiéis e pastores, existe hoje, no país, uma tentativa de impor uma “ditadura homossexual”.
Para o pastor da Igreja Presbiteriana Praia de Itapoã, Jean Freitas, querer qualificar de retrógrada a opinião contrária só prejudica o debate e é um meio de tentar desqualificar qualquer pensamento contrário. “Em um estado democrático de direito, qualquer pessoa tem o direito assegurado na Constituição ao livre pensamento”, afirma. Ele acrescenta que as pessoas não apenas podem como devem se posicionar contra o casamento homossexual.

E Freitas vai mais longe: afirma que essa é uma postura que envolve a expressão da fé bíblica. A ideia de casamento, garante o pastor, só é possível entre um homem e uma mulher. “Não expressamos o que queremos, mas o que encontramos claramente na Bíblia. Dizer não ao casamento igualitário, como sugere o movimento gay, não é concordar com perseguição ou discriminação”, afirma.

Bíblia

Pastores e fiéis lançam mão dos próprios textos bíblicos para justificar suas posições e fazem críticas severas aos projetos que tramitam tanto no Senado quanto na Câmara dos Deputados. O pastor Antônio Carlos Gonçalves Affonso, da 2ª Igreja Batista em Cobilândia, cita o capítulo 1 da Bíblia, da epístola que o apóstolo Paulo escreve aos romanos, como uma das passagens do evangelho que consideram a homossexualidade um erro.

Segundo ele, a homossexualidade e a idolatria são descritos no capítulo como pontos máximos do pecado da humanidade, aos quais Deus desaprova. O pastor faz referência ao verso 27. “’E semelhantemente também os varões deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sexualidade uns para com os outros, cometendo torpeza, recebendo em si mesmos a recompensa que convinha com o seu erro’. O texto chama de erro. Essa é a posição bíblica”, diz o pastor Antônio Carlos, alertando que a “igreja precisa estar preparada para suportar até uma perseguição, que é o grande temor dos evangélicos”.


Foto: Gabriel Lordêllo
Gabriel Lordêllo
Lincoln de Paula Júnior e a esposa Priscila, 40, são líderes na Igreja Presbiteriana Praia de Itapoã, em Vila Velha


Membro da igreja Presbiteriana, o jovem Thiago Simões Lacerda, 24, formado em Direito e estudioso da Bíblia diz que a homossexualidade é pecado, e não deve ser confundida com crime, nem com doença.

“É pecado porque não cumpre o desígnio de Deus para a sexualidade, que é uma expressão física do casamento. E casamento é a companhia pactual entre homem e mulher. Compreendemos isso de vários textos bíblicos, a exemplo de Gênesis 1 e 2; Mateus 19; Romanos 1; 1 Coríntios 6; e Efésios 5. Nesses textos, vemos que homem e mulher são complementares”, justifica.

Thiago ressalta que Jesus não era condescendente com o pecado. “No Evangelho de João, Jesus disse à mulher adúltera ‘eu não te condeno’ e também ‘não peque mais’. O mesmo se aplica à homossexualidade”, pontua.

Direito de expressar opiniões

O casal Lincoln de Paula Júnior, 51 e Priscila, 40, são líderes na Igreja Presbiteriana Praia de Itapoã, em Vila Velha. Gerente de Informática, Lincoln diz que hoje há uma apologia à homossexualidade. “Sou contra qualquer tipo de preconceito, mas quero ter o direito de expressar minhas opiniões sem ser tachado de homofóbico”. Ele diz ainda que discordar de comportamentos que agridem suas crenças, é conflito de valores e não preconceito. “O projeto de criminalização da homofobia incentiva a discriminação aos heterossexuais. Valores estão sendo desconsiderados em nome de uma suposta liberdade de opção. É uma minoria querendo privilégios em cima da maioria, por isso não vejo espaço para dispositivo legal que trata como crime a discriminação de homossexuais”, ressalta.

Discordar não é discriminar

“Quero a liberdade de ser eu mesma. Não quero impor minha crença a ninguém, mas também não vou me calar”, diz Flávia Vaz, 36. A psicóloga, que é casada com o cirurgião pediátrico Mário Vaz Júnior, 39, diz que não quer ser rotulada como anormal e obsoleta por discordar da homossexualidade. “É um comportamento que surge a partir de experiências de vida, referências, aspectos hormonais, inclinações e escolhas. Me sinto no direito de discordar enquanto cristã, mas nunca desrespeitar”, afirma. Mário, por sua vez, diz que os projetos que tramitam no Senado e na Câmara dos Deputados para ampliar os direitos dos homossexuais precisam ser amplamente debatidos. “Discordar não é discriminar. A Bíblia prega o equilíbrio e também defendo isso”, pontua.

Mudança nas leis

Casamento Igualitário
Projeto de lei

O projeto de lei do Casamento Igualitário, de autoria do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), pretende alterar artigos da Lei 10.406 de 10 de janeiro de 2002, para reconhecer o casamento civil e a união estável entre pessoas do mesmo sexo. O projeto foi apresentado no dia 8 de abril deste ano e está na Comissão de Seguridade Social e Família. Ele ainda deve passar pela Comissão de Direitos Humanos, mas não é obrigado a passar pelo plenário

União estável 
Homossexuais

O projeto de lei, de autoria da senadora Marta Suplicy (PT-SP), propõe que a união estável entre homossexuais seja incluída no Código Civil, com a possibilidade de conversão em casamento. Para a união estável ser convertida em casamento, é preciso que o casal declare em cartório não ter impedimentos para casar. Também deve indicar o regime de bens que pretende adotar, como ocorre nos casamentos heterossexuais. O projeto foi aprovado na Comissão de Direitos Humanos do Senado, mas ainda precisa passar pela Comissão de Constituição e Justiça, pelo plenário e pela Câmara

Estatuto
Assinaturas

Proposta com um longo caminho pela frente, pois pretende criar o Estatuto da Diversidade Sexual por iniciativa popular. Antes de tudo, são necessárias mais de um milhão de assinaturas para que seja encaminhado ao Congresso. A proposta criminaliza a homofobia, reconhece o direito à livre orientação sexual e iguala os direitos fundamentais entre heterossexuais e LGBTs. Também estende o direito ao casamento civil, à adoção de filhos, à reprodução assistida por meio do Sistema Único de Saúde, à cirurgia de adequação do aparelho sexual, à identidade de gênero também pelo SUS, e à troca do nome em documentos e registros

Cura Gay
Tratamentos

O projeto de decreto legislativo 234/11, conhecido como projeto de Cura Gay é de autoria do deputado João Campos (PSDB-GO). A proposta suspende a aplicação de dois dispositivos do Conselho Federal de Psicologia (CFP) que proíbe profissionais de usarem a mídia para reforçar preconceitos contra homossexuais ou propor tratamento para curá-los. O projeto de Campos recebeu parecer favorável do colega evangélico Roberto de Lucena (PV-SP), relator da matéria na Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF). Agora o projeto tramita na Comissão de Direitos Humanos, liderada por Marco Feliciano

Criminalização 

PLC 122 

O projeto de lei complementar 122/2006 modifica a Lei do Racismo para criminalizar também os atos de homofobia. É prevista a reclusão de um a três anos para quem tiver condutas discriminatórias, como recusar o atendimento a gays em bares e restaurantes. O projeto tem forte oposição da bancada evangélica, que teme perder o direito a liberdade de opinião. O projeto está em análise na Comissão de Direitos Humanos do Senado. Se aprovado, deverá ser encaminhado para a Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

Pastores criticam projeto

O projeto de lei complementar 122/2006 que criminaliza os atos de homofobia tem acalorado as discussões no Senado. Na visão do movimento LGBT, a falta de leis aumenta os crimes de ódio contra gays e lésbicas. Mas os evangélicos temem censura e querem a inclusão no texto do projeto o direito a liberdade de opinião contrária, sem que isso seja caracterizado como homofobia.

“O projeto é inconstitucional e, se aprovado, pode gerar precedentes absurdos. Há causas maiores que devem ser discutidas pelos políticos como a superlotação de hospitais”, opina o pastor Simonton Araújo, da Igreja Missão Praia da Costa.

Outro argumento é que a constituição já garante a defesa de todos os cidadãos, não sendo necessária uma nova lei para assegurar os direitos dos homossexuais. “A Constituição deveria ser colocada em prática. Sou contra privilegiar esse ou aquele grupo. Que as leis sejam, então, para defender os direitos de todas as minorias”, diz o pastor Antônio Carlos Affonso. O projeto tramita na Comissão de Direitos Humanos do Senado. Algumas alterações já foram feitas, mas o senador Paulo Paim promete apresentar um novo texto neste ano, mais amplo, definindo os crimes de ódio e de intolerância. 

Fonte: Gazeta Online e A Gazeta