Jornal confunde Testemunhas de Jeová com evangélicos na polêmica envolvendo Paula Fernandes


Paula Fernandes após polêmica com evangélicos pede respeito
Paula Fernandes após polêmica com evangélicos pede respeito

Paula Fernandes após polêmica com evangélicos pede respeito

A cantora Paula Fernandes concedeu entrevista ao programa Show Business e revelou ser adepta da religião Espírita, a partir disso nas redes sociais por uma ala mais conservadora dos Testemunhas de Jeová começou um boicote ao trabalho artístico da cantora. Paula Fernandes faz declaração e quer acabar com a polêmica.
Paula Fernandes está decidida a acabar com a polêmica causada após declarar que é espírita. Paula, por meio de sua assessoria de imprensa, declarou apenas: “o respeito é um exercício diário difundido pela Bíblia. Preconceito é algo que devemos evitar e, quem sabe, substituí-lo por conhecimento e compreensão!”
A confusão começou após uma entrevista concedida pela cantora a João Dória Jr no programa Show Business, a cantora revelou que é seguidora da religião, mas acabou desagradando aos seus fãs, principalmente aos evangélicos, que a criticaram de modo incisivo nas redes sociais.
Desde que declarou que é espírita, Paula tem sido alvo de comentários como “recebi um e-mail ontem dessa entrevista e joguei tudo que tinha as músicas dela fora… Temos que tomar muito cuidado” e “que coisa horrível, eu gostava dela e ouvia suas músicas, não quero mas nem saber dela”.
No início da tarde desta quarta-feira (20), ela quebrou o silêncio em seu Twitter. “O que a Bíblia prega? Respeito ou preconceito????? Viva a liberdade de expressão!”, escreveu a cantora no microblog.
Ainda segundo a assessoria de imprensa, a postagem de Paula na rede social causou efeito, já que ela recebeu muitos e-mails de fãs evangélicos se desculpando pelas críticas. “Depois da postagem dela no Twitter, começamos a receber alguns e-mails com testemunhas de Jeová contrárias a este movimento”, informou.
Em uma das mensagens recebidas por Paula, uma mulher identificada como Annik afirma que a opinião de algumas testemunhas de Jeová não reflete a postura do grupo como um todo. No final da mensagem, ela ainda indica o site oficial da religião evangélica, na página que ressalta a importância do respeito por outras crenças citando trechos dos evangelhos de Pedro e Mateus.
“Nós seguimos o conselho da Bíblia de ‘respeitar todas as pessoas’, não importa sua religião” (Pedro 2:17) e “Nem fazemos campanha para que sejam aprovadas leis que obriguem a comunidade a seguir nossas convicções morais e religiosas. Em vez disso, nós tratamos os outros com o mesmo respeito com que gostaríamos de ser tratados” (Mateus 7:12).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por visitar meu blog!