Capixabas fazem manifesto contra Marco Feliciano


Ideia surgiu em uma república da Capital

A escolha do pastor Marco Feliciano para presidir a Comissão dos Direitos Humanos da Câmara continua dando o que falar, e no Espírito Santo o panorama não é diferente. Desta vez um grupo de amigos se reuniu neste domingo (24) em uma república, no bairro Ilha De Santa Maria, em Vitória, e confeccionou cartazes para mostrar a mensagem: "somos jovens cristãos, negros, universitários e Marco Feliciano não nos representa".


Foto: Vitor dos Santos Pereira | CANAL CIDADÃO REPÓRTER
Vitor dos Santos Pereira | CANAL CIDADÃO REPÓRTER
Essa foi a maneira que este grupo protestou contra o pastor Marco Feliciano, escolhido para presidir a Comissão de Direitos Humanos da Câmara


Essa foi a maneira que este grupo protestou contra o pastor Marco Feliciano, escolhido para presidir a Comissão de Direitos Humanos da Câmara

Um dos idealizadores, o estudante de pedagogia Vitor dos Santos Pereira, de 24 anos, que segura o cartaz com a palavra jovens, explicou os motivos do manifesto. 

"Nosso posicionamento é contrário apenas à escolha dele para liderar essa comissão. Entendemos isso como um erro. Sobre os dizeres e declarações recentes dele em referência aos homossexuais e outros grupos, também condenamos, porém o respeitamos nesse aspecto, pois o pensamento e a liberdade de opinião é direito de cada um", ponderou o universitário. A manifestação contou com a participação de onze amigos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por visitar meu blog!